Jacobina decreta emergência após chuvas

Moradores da cidade de Jacobina, na região da Chapada Diamantina, viveram momentos de apreensão na madrugada desta terça-feira (2), devido às fortes chuvas que derrubaram pontes e casas. Não houve feridos.

Segundo informações da prefeitura, caíram na cidade 180 mm de chuva – a Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec) divulgou 140 mm, e o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), 110,4 mm.

O Rio do Ouro, que corta o município, transbordou e em algumas partes da cidade, como no bairro Leader (o mais atingido), as águas chegaram a quase 1 metro. Segundo a prefeitura, três casas foram parcialmente ao chão, e as famílias tiveram de ser resgatadas às pressas. Elas foram levadas para casas de parentes.

Duas pontes sobre o Rio do Ouro estão interditadas devido aos danos causados pela enxurrada, que as derrubou em parte. Uma delas dá acesso a uma escola infantil e a outra a uma residência – ambas ficam na área urbana do município. Numa área mais central, a prefeitura interditou outra ponte parcialmente destruída.

O aguaceiro levou boa parte do calçamento das ruas e da estrutura de concreto que fica no logradouro à margem do Rio do Ouro. Uma parte dela cedeu, devido à força das águas, formando uma cratera. Vários estabelecimentos comerciais foram invadidos pelas águas, causando um prejuízo ainda inestimado.

A Defesa Civil do município registrou dois desmoronamentos no bairro da Bananeira e eminência de desabamento em uma residência no bairro Serrinha. Na região central houve inundações na praça Rio Branco, rua Senador Pedro Lago, praça Getúlio Vargas (Mercado Velho) e avenida Orlando Oliveira Pires.

Fonte: Correios

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *